30/07/2015

MJNV- 38 anos de uma caminhada com Deus - História e depoimentos
Mocidade Nova Vida15:00 0 comentários


Na semana passada tivemos o aniversário do nosso ministério, o qual fizemos a divulgação para que todos os nossos leitores que pudessem e quisessem estivessem presentes. Mas sabemos que nem todos puderam estar e saber um pouco da nossa história, então vamos compartilhar um pouquinho dela aqui com vocês!  

Em julho de 1977, nascia, na Igreja Unida, um ministério de jovens, com o nome de "Nova Vida".  Este ministério foi criado com o intuito de envolver os jovens da igreja. No primeiro instante, esse ministério desenvolvia visitas e cultos nas praças, além do louvor e adoração. Inicialmente, os ensaios eram aos sábados.

Membros mais antigos relatam que no início da igreja Unida de Jardim Ângela, o Pr. Thiago Ribeiro liderou este grupo de jovens. Além dele, um dos primeiros líderes foi o Pr. Paulo Passos, que assumiu a liderança do ministério por volta de 1989. Naquela época, o ministério não era tão grande quanto agora, porém um dos maiores avanços dessa liderança foi a preparação dos jovens para uma futura vida ministerial. Preparação essa que, no futuro, gerou grandes homens e mulheres de Deus, como pastores, ministros de louvor, presbíteros, diáconos e obreiros da casa do Senhor. As reuniões e os ensaios eram feitos também no templo, assim como é hoje. Nessa época, as festividades do ministério eram preparadas com muito empenho e todos os jovens usavam uniformes para participar desses eventos. O Pastor Paulo Passos deixou a liderança anos depois, por motivos familiares e também porque começou a auxiliar seu pai no pastoreio da Igreja Unida do Pq. Santa Madalena.

Por volta de 1990, o Pr. Jefferson Matiazzi e o nosso líder, William Cardoso, assumiram a liderança deste ministério por conta da saída do Pastor Paulo. Essa liderança foi marcada pela rigidez da doutrina e do tradicionalismo da época. William conta que, em certa ocasião, ele, o Pr. Jefferson e outros amigos do grupo de jovens, saíram para se divertir e decidiram ir ao cinema. Como isso era proibido pela doutrina da igreja, todos eles “ficaram de banco”, ou seja, ficaram na disciplina por terem quebrado uma regra.

Anos depois, provavelmente em 1995, a Irmã Elizete de Jesus, assumiu a liderança do ministério. Na década de 90, a quantidade de jovens ainda era menor do que a atual. Nessa época, as saídas para outras igrejas começaram a ser mais frequentes, também começaram a ser mais frequentes as recreações e passeios, como ir a pizzarias e a parques. É interessante comentar que dentre todos os integrantes do grupo só duas pessoas possuíam carros, sendo assim, os quase 25 jovens do ministério tinham que se apertar para que todos pudessem sair utilizando este meio de transporte.

Passaram-se os anos e outros líderes assumiram a presidência do ministério e as coisas começaram a mudar. A situação ficou um pouco mais flexível para os jovens e assim, o número de jovens passou a aumentar.

Em 2003, Paulo Lima, atual líder do Ministério de Louvor, assumiu a liderança do ministério de jovens. Nesta época, ainda não havia acampamentos exclusivos da mocidade; durante esta liderança, foi realizado o 1° Acampamento do MJNV, em Bragança. Também teve- se início o auxílio às sextas básicas da igreja com produtos de higiene. Por motivos pessoais e profissionais, Paulinho optou por deixar a liderança. Em seu lugar, fica então, Rafael Romão, que assume o cargo da liderança por volta de 2006. O DcFernando Souza também liderou o ministério.

Alguns anos depois, em torno de 2008, nossa atual líder, Giovana Thais de Lima Cardoso e seu esposo, Willian Alves Cardoso, por determinação do Pr. Thiago assumiu pela primeira vez a liderança do ministério, grupo que ela fazia parte que ela também já fazia parte. Nesta fase, Giovana e William iniciam um trabalho diferente, subdividindo o ministério em pequenos grupos, o que gerou uma melhor administração e acompanhamento dos liderados, trabalho que existe até hoje. Também foram iniciadas as vigílias dirigidas pelos jovens, trabalho que é realizado a cada 2 meses. No ano de 2012, Giovana e William, por questões familiares e cansaço emocional, decidem deixar a liderança do ministério, passando-a para a irmã Adriana Ramos, que também por motivos pessoais deixa a liderança alguns meses depois.

Em seguida, o Pb. Cleiton Aquino juntamente com Jefferson Silva assume a liderança do ministério e continuam a dar sequência no trabalho deixado pelos líderes anteriores.


Atualmente, o MJNV é liderado por William e Giovana Cardoso, um casal compromissado com este ministério e que está a quase cinco anos à frente da presidência. Para auxílio da presidência contamos com Jefferson Silva, que entrou na gestão do Pb. Cleiton, e temos cerca de 70 jovens que participam do ministério. Hoje, o MJNV atua em diversas áreas como no louvor, em trabalhos de assistência social, visitas e também o blog!


Primeira formação MJNV


Formação atual MJNV

Algumas das pessoas especiais para o nosso ministério, deixaram um depoimento sobre a importância desse ministério em suas vidas:


“É difícil expressar a admiração que tenho pelo Ministério de Jovens Nova Vida. Amo todos e admiro o modo como dedicam sua vida a servir do nosso Senhor Jesus, com tanto amor e afinco.

Sinto imensa alegria e satisfação em ter as minhas filhas neste grupo abençoado, que as recebeu com tanto carinho. Hoje percebo que o crescimento espiritual que elas têm adquirido.

Vocês, apesar de tão jovens, são exemplos, não só parar mim, mas também, para a igreja. Vocês são referência para muitos jovens, não só do mundo, mas de outras igrejas também

Nunca se esqueçam de que o nosso alvo é Jesus, que devemos oferecer a ele nosso melhor e que a cada dia nós diminuamos para que ele cresça e que tudo que façamos seja para o nome dele seja honrado.

Também não se esqueçam da importância da união do grupo, pois a amizade verdadeira é fundamental para complementar a nossa felicidade, nunca deixem que o inimigo roube a comunhão entre vocês.

Que o Senhor Jesus os abençoe mais e mais a cada dia!

Amo Vocês!” 

Lucimar Santos Valente.
Mãe da Juliana e Nathaly Valente

“Assim como o Senhor Deus foi com Ester e com Davi, que foram grandes exemplos de mulher e homem usados por Deus, assim o Senhor também esteve usando vocês na última sexta e sábado. Deus conta com vocês e a igreja também! Deus os abençoe e sejam instrumentos usados por Deus e Deus. Que todos possam ver que há um Deus poderoso nos céus e na terra, e que vocês jovens são e serão o futuro da igreja, que sempre serão bênçãos na mão do Senhor nosso Deus, Criador dos céus e da terra.”

Pr. Wilson Bispo 


“É com muita alegria que eu quero parabenizar o Ministério de Jovens Nova Vida pelo seu 38º aniversário, onde Deus tem se feito presente a cada dia e tem os abençoado, acrescentado a cada dia da Sua palavra em seus corações. Vocês são muito importantes para a nossa igreja porque entendemos que, muito mais que o futuro da igreja, vocês já fazem parte do corpo e já são ganhadores de alma. Nós temos muita alegria de ter vocês, de ver o esforço de cada um de vós nesse ministério e que o Senhor possa abençoa-los cada dia mais, levanta-los e que nos meio de vocês possa surgir futuros pastores e pastoras, evangelistas e ganhadores de almas, para a honra e glória do nome de Jesus. Sou grato a Deus por pastoreá-los e como diz a palavra de Deus, e, em cima dela eu quero declarar que: “Jovens, vós sois fortes, a palavra de Deus está em vós e JÁ VENCESTES o maligno.” E como costumo dizer, contem comigo para o que precisar, porque JUNTOS SOMOS MELHORES”

Pr. Alex Oliveira

"Estou na Igreja Unida desde 1995, pude participar da mocidade por um ano, pois em 1996 casei e nas normas da época jovens casados não podiam participar da mocidade, apenas jovens solteiros. Senti muito por não ter podido participar mais tempo da mocidade como componente, mas mais a frente Deus me permitiu voltar a mocidade de outra forma. Ao longo dos anos minha visão em relação a jovens foi mudando, eu era muito radical, rígido, e hoje entendendo que para levar Deus a sério não preciso de extremismo.
Após ficar um tempo auxiliando na Igreja Unida do Mimar, retornei à do Ângela e desde então minha forma de se relacionar com a mocidade mudou. Passei a participar das vigílias e acampamentos e desde então posso dizer que tenho me apaixonado cada vez mais pelo Ministério de Jovens Nova Vida, não consigo nem expressar esse sentimento, mas sei que é muito grande.
Ter liderado a mocidade para mim foi um grande privilégio, apesar de não ter muita experiência com mocidade por ter participado pouco tempo como componente. Digo que durante a minha liderança, o Espírito Santo que a liderou literalmente, não que nas outras gestões isso não tenha acontecido, muito pelo contrário, mas no meu caso, devido a pouca experiência, eu dependia diretamente do Espírito Santo para poder liderá-los e direcioná-los.
E hoje quando vejo a mocidade cantando, é como se fosse o Projeto Santo ( departamento infantil) cantando e eu vendo a Luana, eu ficava lá "babando". Agora a Luana canta na mocidade, mas eu não fico "babando" apenas por ela, mas por todos! Vejo Deus atuando através dos louvores e sou muito grato a Deus pela vida da Giovana, do Willian e do Jefferson que têm cuidado da mocidade com tanto empenho."

Cleiton Aquino

Desde quando entrei na mocidade, aos meus 17 anos, de lá para tenho me envolvido com os jovens. Vi muitas coisas acontecendo, tanto boas como ruins, mas pela misericórdia do Senhor, Ele tem me sustentado até o dia de hoje. E agora tenho vocês (Ministério Nova Vida) como filhos, os amo de verdade! E, é engraçado, que sai do papel de jovem para ser mãe, porque é esse sentimento que eu tenho por vocês! Foi na mocidade que tive a oportunidade de conhecer ao Senhor Jesus, de verdade, de conhecer o meu esposo e tenho aprendido muito ali, e hoje, poder ver vocês caminhando, como sementes que estão dando frutos!

Karine Aquino


“Sou nascido na Igreja Unida e, como jovem e cristão, participar da mocidade foi algo muito importante pra mim e na minha vida. Aprendi a ser quem fui e sou com a liderança de jovens que tive, aprendi a responsabilidade de ser um jovem cristão e estar firme na casa de Deus.
Quando adquiri idade para me tornar um líder, Deus me escolheu para essa função. Ela foi de suma importância pra mim, pois com a liderança da mocidade pude me desenvolver ministerialmente, profissionalmente, como esposo e pai. Em resumo, Deus foi muito bom comigo, me trazendo para a escolha d'Ele desde muito novinho, me permitir ser criado na igreja e estar dentro no ministério de jovens da Igreja Unida desde muito jovem.
E hoje tenho o jovens do Ministério Nova Vida como filhos, aprendemos a amar a cada um e temos o respeito deles como líderes porque demonstramos amor a eles e, em resposta, eles demonstram amor por nós.” 

William Cardoso.


“Falar da mocidade, para mim é muito difícil, porque me faltam palavras para expressar tudo o que ela representa pra mim! Na hora mais difícil da minha vida, eles estiveram do meu lado. Vieram me ver, oraram por mim, me incentivaram, oraram pela minha família, me ajudaram a prosseguir! Hoje eu estou aqui por causa de vocês, por cada oração por cada gesto de carinho e amor, não só comigo, mas com o meu filho também, e hoje eu sou uma vitoriosa e devo isso a CADA UM DE VOCÊS! Que vocês sejam sempre benção na vida de outras pessoas, assim como vocês têm sido na minha!”

Vânia Tereza


Foi muito importante a ida das minhas filhas para a igreja e participando da mocidade, pois vê-las na casa de Deus e não por aí, sem rumo na vida, fez a diferença na minha vida! Hábitos que eu possuía, hoje, já não possuo mais, por conta delas, por vê-las firmes na igreja. E isso se estende em ver meu neto também na casa do Senhor. Não frequento a igreja, mas o fato de ter minhas filhas e neto na igreja, com certeza trouxe mudanças pra minha vida e sou grata a Deus por isso.”

Cléo Moura
Mãe da Cris, Malu e vó do Ismael

  
"Os melhores momentos que tenho em minha memória, quando se fala referente a igreja, era quando estava com os jovens. O que me fez crescer espiritualmente, amadurecer, foi estar com a mocidade

Quando me dispus a fazer a vontade de Deus, encontrei nos jovens de 2004, apoio e a alegria.

Em Eclesiastes 12:01 "Lembra-te também do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos dos quais venhas a dizer: Não tenho neles contentamento." Deus nos escolheu enquanto jovens para fazermos a Sua vontade, por que somos FORTES e já VENCEMOS o maligno.

Quero encorajar a todos, a continuar por mais 38 anos, confiando na força que Deus nos dá, para conquistarmos o céu e honrarmos o sacrifício do Senhor."



Luana Lomazi




"Estive na mocidade por alguns anos, entre 1994 até 2009, mas como tudo na vida passa  e tem o seu tempo... Em 2009 já não era tão jovem assim e já estava casado sai da mocidade,  mas o espirito jovem ainda habita em mim! rs

Hoje olhando para trás vejo quão importante foi fazer parte dos jovens, agradeço a cada líder que eu tive, a cada puxão de orelha que levei (e olha que foram muitos), mas hoje entendo e tenho a convicção que foram para o meu bem, porque Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos e cada líder durante este período que fiz parte, creio que foi colocado por Deus!

Minha base espiritual e muito do que sou hoje devo a eles, que bom que se importaram comigo, que puxaram a minha orelha, porque hoje permaneço na presença de Deus e com o mesmo objetivo de sempre, de conquistar o céu e lutar pela salvação.

Existem pessoas que passam em nossas vidas e outras que permanecem, graças a Deus os líderes que tive permanecem em minha vida e tenho em cada um deles um amigo de verdade.

Quando somos jovens muitas coisas passam desapercebidas aos nossos olhos, mas não deixe que oportunidade de adorar passe por você sem que a veja!

Olhando pra vocês, jovens de hoje, vejo como o tempo passou e também como muitas coisas mudaram e outras ainda permanecem...

Hoje em dia o mundo é muito mais liberal, as igrejas estão liberais demais, a palavra não mudou, mas alguns distorceram o seu verdadeiro sentido. Sempre foi pregado "vinde a mim como estás..." e isso hoje ainda se faz presente,  mas as pessoas vêm como estão e permanecem, não há mudança, restauração, libertação. Afinal, o que é muito pregado hoje é: "o que importa é o coração"! Errado! O que importa é um conjunto da obra. Em I Corintios 6:19 diz: " Ou não sabeis que vosso corpo é templo do Espírito Santo que habita em vós, e que não sois de vós mesmo?

Aproveitem esta liberdade que vocês têm hoje para adorar a DEUS de coração, pois sabemos que Deus tem escolhido uma geração de adoradores e você faz parte dela, você tem que querer fazer parte dessa geração!
Jovem ame o seu líder,  saiba que os puxões de orelha, as broncas, pegar no seu pé... tudo isso é para o seu bem.
Pode parecer que não,  mas eu também já fui jovem, e, com certeza, pensava muito igual a você. Muitas vezes tinha na minha cabeça que eu deveria viver minhas próprias experiências, que tinha que quebrar a cabeça sozinho, não precisava de conselho, e entre tudo isso afirmo que eu estava ERRADO!
Ainda bem que meus líderes e amigos não desistiram de mim, e hoje posso dizer que vivi e vivo as melhores experiência da minha vida, a experiência de estar com Deus, de confiar de ser surpreendido a cada momento por Ele.
Jovem não arrisque nem coloque em jogo a sua salvação e muito menos enfrente o diabo, porque se fizer isso você vai perder!
O diabo só perde pra Deus e se você não estiver com Deus será uma presa fácil nas mãos do inimigo!
Fuja da aparência do mal, daquilo que te afasta de Deus, seja a diferença, seja influenciador e não influenciado.
Quero que saibam que vocês são bênçãos, pura sem mistura. Olho pra vocês e enxergo nitidamente como Deus é bom, e sei que entre vocês muitos ainda serão usados de maneira extraordinária nas mãos de  Deus!
Seja uma geração diferente, uma geração de verdadeiros adoradores.
Ame e respeite o seu líder,  ame o seu amigo, se importe com quem esta ao seu redor e tenha certeza que lá na frente vocês terão lindos testemunhos para compartilhar
Parabéns a todos que fizeram e que fazem parte desses 38 anos de muita alegria e bênçãos do céu!
Eduardo Martins




Categoria:

0 comentários

Postar um comentário