29/10/2015

Entretenimento: 10 coisas que você não sabia sobre a Bíblia
Mocidade Nova Vida19:26 1 comentários



A Bíblia é para os fiéis, ferramenta poderosa para a religião e alicerce com conteúdo a vivenciar. Nessa seleção estão as 10 coisas que você não sabia sobre a Bíblia.
São informações, no mínimo, curiosas, mas também interessantes do livro mais vendido de todos os tempos, com marca superior a 6 bilhões de cópias pelo mundo. Para os fiéis, a Bíblia é preciosidade para informação religiosa, a principal evidencia do Criador e base a seguir.

10° - Significado da Palavra Bíblia



Para muitos esse detalhe passa despercebido, mas é importante conhecer o significado da palavra Bíblia, já que o livro é tão importante para as diversas nações. Essa palavra tem origem grega, da palavra “biblion” e aponta para conjuntos de muitos livros. Na realidade, a Bíblia é reunião dos diferentes livros de épocas distintas. Até hoje, ela já foi traduzida em 2.454 línguas e dialetos diferentes.

9°- Quantidade de Livros


E sendo um dos destaques da composição da Bíblia a reunião de tantos livros em seu interior, o número é expressivo, são 73 livros ao todo para compor a mesma. Pelo Antigo Testamento a marca é de 46 livros, conhecido também como Primeiro Testamento; na composição do Novo Testamento são 27 livros. A Bíblia foi escrita por 40 autores diferentes, e compreende 1.600 anos de história.

8° - Diferença entre Bíblia Protestante e Bíblia Católica


Realmente pela Bíblia Católica existem mais livros que na versão protestante. Não há diferenças pelo Novo Testamento, porém no Antigo Testamento, são 7 livros a mais pela edição católica, sendo eles: Judite, Tobias, 1° e 2° Livro dos Macabeus, Baruc, Eclesiástico e Sabedoria.

7°- Numeração dos Capítulos


Ao ler a Bíblia nota-se a organização por capítulos, todos numerados, mas a mesma não foi escrita com esses detalhes. E não há um livro da Bíblia que tenha sido redigido com capítulos numerados. Essa ideia incrível da qual usufruímos, partiu de Estevão Langton, professor da Universidade de Paris, arcebispo de Cantuária, no ano 1214 d.C.

6°- Divisão entre Versículos


Robert Etiene, no ano 1551, era editor e redator pela Paris, e foi responsável pela divisão dos versículos, dividindo o NT de língua grega por versículos. Já Teodoro de Beza aprovou o feito e no ano 1565 repartiu a Bíblia inteira utilizando esse método. Dessa forma, com capítulos e versículos, a Bíblia se tornou muito mais prática para leitura.

5°- Encontrando Citações Bíblicas


Para efeito de pesquisa, observando a citação, o capítulo está marcado em número anterior à vírgula, já o versículo, após a vírgula, apontando o começo e fim do texto a ler.
No caso de GN 11,1-9, trata-se do livro do Gênesis, com capítulo 11, e versículos iniciando no 1 e terminando no 9. Pela leitura, os capítulos estão em números grandes e os versículos pequenos. É possível conferir pelo início da Bíblia, as abreviaturas de cada livro.

4°- Primeira Tradução da Bíblia e Impressão Atual


A tradução inicial da Bíblia, e mais famosa, ao latim, foi realizada por Eusébio Sofrônio Jerônimo (São Jerônimo). É conhecida com Vulgata, por ser a versão mais difundida no mundo (ou mais autentica). Fato ocorreu em torno do ano 400 d.C., com pedido feito pelo Papa Damaso.
Mas na realidade, a precursora das traduções foi da Bíblia hebraica associada aos judeus, para grego, e lembrada como tradução dos LXX, muito lida no tempo de Jesus Cristo e comunidades.
A primeira versão na língua portuguesa foi feita apenas em 1748, a partir da Vulgata Latina, por João Ferreira de Almeida.

3°- Leitura Anterior à Imprensa


A Bíblia era acessada por diferentes maneiras, em rolos de pergaminhos com couro animal, em tiras de papel vegetal, em folhas, ou papiro que é papel vegetal. Nota-se que a leitura não era muito acessível, comparando com dias atuais, em que existe até mesmo versão moderna e digital dos livros sagrados.

2°- Significado de Exegese e Hermenêutica


E na seleção das 10 coisas que você não sabia sobre a Bíblia estão as palavras exegese (ou logos) e hermenêutica (ou rhema). Exegese tem função como termo grego para explicação do trabalho dos estudiosos em analisar o texto bíblico. O significado remete a retirar de dentro o que o texto informa (Logos).
Já hermenêutica, também com origem grega, aponta para o trabalho em encontrar mensagem escondida pelas palavras, com aplicação para a atualidade (Rhema).

1°- Encontro com a Bíblia


Antes da escrita da Bíblia, a mesma foi vivenciada. O início dessa escrita aconteceu no reinado de Salomão, em torno de 950 a.C. Já a produção do Antigo Testamento acabou em torno de 50 a.C., e a do Novo Testamento, pelo fim do primeiro século.


------------------------------------------ 
Por Adriano Lucas, fundador e escritor do site top10mais.org/



Espero que gostem!
Vale a pena ler! :D 






Categoria:

Um comentário: