18/02/2016

Dicas para estudo e memorização.
Mocidade Nova Vida21:28 0 comentários

Olá pessoal! Boa noite!

O post de hoje será um pouco diferente do que os que temos costume de fazer. A galera que estuda está voltando às aulas e logo mais começam as provas e trabalhos. Com isso achei legal trazer para vocês algumas dicas para otimizar o período de estudo e também ajudar na hora de memorizar matérias e conteúdos. E claro, isso serve para ser aplicado a qualquer tipo de estudo, inclusive da bíblia!


Bora lá!

Dica nº 1

A primeira coisa que você precisa ter é organização! Se você não tiver organização não saberá ao certo o que precisa estudar. Não sabendo o que precisa estudar, não terá como separar ou encontrar os conteúdos que precisa. Então desde o começo o interessante é você ter as matérias organizadas, marcar em uma agenda (ou outro lugar que use para deixar avisos importantes) as datas de prova e entrega de trabalhos para que você não se perca e acabe deixando tudo acumulado.
Outra coisa legal é você montar um cronograma de estudo. Você pode, por exemplo separar por  matéria ou assunto que você tem mais dificuldade e colocá-los como prioridade de estudo na sua rotina, assim você deixará mais tempo para o que realmente precisa, mas ainda assim não desprezará as matérias ou assuntos que você tem mais facilidade.

Dica nº 2

Não ignore aquilo que você não entendeu ou não sabe. Às vezes quando nos vemos diante de um grande volume de coisas para ler ou estamos lendo algo que precisamos, porém, não é interessante, acabamos ignorando palavras ou conteúdos que não entendemos ou não sabemos, mas isso é muito prejudicial. Primeiro, o fato de você ignorar algo durante o estudo geralmente demonstra preguiça e com preguiça não chegamos a lugar nenhum. Segundo, procurar entender ou aprender algo faz com que nossos horizontes sobre aquilo se amplie, e essa amplitude pode contribuir muito para o entendimento global da matéria ou assunto e a compreensão do todo facilita sua aprendizagem até das mínimas coisas em relação aquela assunto ou matéria. E vamos combinar, quando você está fazendo uma prova, geralmente cai aquilo que você ignorou ou aquele detalhezinho que você não entendeu! Então deixe a preguiça de lado e, sem ela, amplie seus horizontes.

Dica nº 3

Faça suas próprias anotações enquanto lê, ouve ou vê o conteúdo que está sendo passado a você. Por mais que o livro, o professor ou o amigo seja ótimo no que está  explicando, cada um de nós temos impressões e linhas de raciocínio próprios quando recebemos informações. Quando fazemos o registro disso, criamos mecanismos de associação que facilitam tanto a aprendizagem quando a memorização daquele conteúdo.

Dica nº 4

Faça resumos e refaça exercícios durante o período de estudo. Quando você reescreve algo durante um resumo, você contribui para a fixação daquilo e contribui para reorganização das ideias em relação ao que está estudando. Sendo assim, refaça os exercícios e escreva resumos.

Dica nº 5

Estude em um lugar tranquilo. Para estudar é preciso concentração, quanto mais barulhento e agitado for o lugar, mais difícil será obtê-la. Muitas pessoas dizem que estudam ouvindo música, se você faz parte dessa galera, o recomendado é ouvir música que não tenha letra e se tiver que seja em uma língua que você não entenda, porque o fato de você entender o que está sendo cantado pode tirar sua concentração.

Dica nº 6

Converse sobre o assunto com outras pessoas. Apesar de muitas vezes só usarmos a escrita e leitura para aprendizagem e fixação de conteúdo, o ideal é que usássemos 4 sentidos para obter melhores resultados: a escrita, a leitura, a audição e a fala. Sendo assim, converse com outras pessoas sobre o assunto, pois além de você criar uma situação em que possa utilizar o máximo do seu potencial de absorção também poderá ouvir outras opiniões que podem ampliar seu conhecimento sobre o tema. Caso você não tenha com quem estabelecer essa troca, faça a leitura em voz alta, que dará o mesmo resultado.

Dica nº 7

Evite stress e ansiedade. Quanto mais forças seu cérebro dedicar para outras coisas, menos atenção você conseguirá aplicar naquilo que precisa, o que gera aquele famoso "deu branco" ou mesmo depois de horas estudando o "Eu não entendi nada!". Então tente se manter calmo! Pra isso é importante você já ter uma rotina de estudos, porque isso te trará segurança quanto a ter aprendido a matéria ou conteúdo e respire fundo. Apesar do respirar fundo parecer apenas um bordão dito a quem queremos que se acalme, ele de fato funciona, pois através do respirar fundo e em ritmo sequencial, conseguimos desenvolver uma técnica de relaxamento, além de mandarmos oxigênio para o cérebro, que precisa de ar para poder funcionar e desempenhar bem suas funções.

Dica nº 8

Durma e se alimente bem. Para o cérebro funcionar bem ele precisa de descanso, e uma das formas, na verdade a principal, de obter esse descanso é dormindo e dormindo bem! O ideal é que durmamos diariamente por 8 horas ininterruptas, porém sabemos que devido a rotina nem todos conseguem, então o mais ideal é dormir o mais próximo possível disso. Outra coisa importantíssima é a alimentação, ela é o combustível do corpo! Se você usa combustível bom, o carro anda bem e dificilmente apresentará problemas, mas se você coloca combustível ruim, ele provavelmente não vá muito longe. O mesmo se aplica ao nosso corpo e ao que comemos. Sendo assim, procure comer bem, nas horas corretas e dê preferencia a comidas naturais do que a industrializados. Quando estiver em período de provas, evite alimentos pesados e gordurosos, isso faz com que a digestão fique mais lenta e o cérebro fique preguiçoso. E claro, beba bastante água, seu corpo todo precisa dela.

Dica nº 9

Separe um momento de lazer. Como eu disse na dica nº 8, para assimilar as coisas seu cérebro precisa estar descansado, pois quando ele está sobrecarregado você não consegue nem absorver nada e ainda pode não lembrar do que já sabe. Então dentro da sua organização de estudos, também dedique um tempo ao lazer, pois ele também é uma das formas de fazer com que o cérebro descanse. Ninguém é de ferro. Seu cérebro também não!

E por hoje é isso, pessoal!

Espero que tenham gostado das dicas e que elas sejam úteis a vocês!

Até a próxima e fiquem com Deus!



Categoria:

0 comentários

Postar um comentário