06/04/2016

Compartilhando playlist:"Ame mais, julgue menos" - Marcela Tais
Mocidade Nova Vida19:37 0 comentários

Boa noite pessoal!

Hoje vou compartilhar com vocês mais uma música da minha playlist: "Ame mais, julgue menos" da Marcela Tais.



Esses dias estou fazendo com um amigo uma espécie de estudo sobre o livro de Romanos. Na verdade, não é bem um estudo, mas, sim, um compartilhamento de reflexões, eu compartilho com ele o que o Espírito Santo tem ministrado ao meu coração sobre o texto que leio, e ele faz o mesmo comigo. E algo que Deus tem falado muito aos nossos corações é sobre o viver de aparências. No livro de Romanos, Paulo fala muito sobre "A Lei x A Graça" e os reflexos disso em nosso comportamento, nossa forma de pensar.

Os fariseus foram extremamente advertidos por Jesus quanto a postura deles, eles conheciam otimamente a lei, porém quando o conhecimento que eles tinham eram confrontados com suas atitudes e intenções, o fato de conhecerem a lei e não a praticarem só lhes trazia vergonha ao invés de honra. E esse é o mesmo conceito que Paulo traz aos Romanos, nada adianta conhecer a lei e não aplicá-la e pior ainda, querer que os outros a apliquem.

Dentro disso tudo que entra essa música da Marcela Tais. A nós é dado um importante mandamento "Ame o próximo como a ti mesmo" (Marcos 12:31). Isso é muito profundo e  complexo e ao mesmo tempo simples e prático. Poderíamos aqui entrar em uma análise sobre o que é amar, sobre o que é julgar (tema abordado na música) mas me resumo na praticidade de: fazer pelos outros o que eu faria por mim e deixar de fazer com os outros o que eu não gostaria que fizessem comigo. Se eu seguir essa premissa, provavelmente estarei muito próximo do cumprimento desse mandamento.

Vivemos em sociedade, em grandes grupos (ambiente de trabalho, faculdade, escola...) e também pequenos (família, grupo de amigos...), nesses grupos interagimos com diversas pessoas, cada uma delas tiveram e tem educação, valores, ensinamentos e princípios distintos dos nossos e precisamos respeitar isso! Não podemos chegar impondo nossos valores como se fossem os valores mais importantes que os das outras pessoas, como cristãos (não só por isso, mas inclusive por isso), precisamos respeitar os pontos que divergem dos nossos, pois isso também é uma forma de demonstração de amor. Veja, não quero dizer que temos que concordar com o que entedemos por errado, mas, sim, compreendermos que as pessoas têm liberdade de pensar e ser diferente de nós e devemos permitir que elas sejam.

Precisamos ter algo em mente, é de extrema importância e necessidade que preguemos o evangelho, e uma das formas essenciais de fazermos isso é demonstrando o amor. Se alguém fizer algo que vai contra os valores cristãos que temos e contra o que a bíblia nos ensina ser certo, que no momento oportuno possamos compartilhar com esse alguém a palavra, que possamos pedir ao Espírito Santo que o convença do pecado, mas que acima de tudo, possamos respeitar o nosso próximo na mesma medida que queremos ser respeitados.

Que essa música possa trazer a vocês a mesma reflexão que trouxe a mim e que a cada dia venhamos nos esforçar para cumprir e obedecer aquilo que Deus tem nos incumbido e orientado.


Fiquem na paz!

Categoria: , ,

0 comentários

Postar um comentário